Mês: <span>Outubro 2021</span>

MEDIDAS PARA CONTROLO DA PRAGA PSILA-AFRICANA-DOS-CITRINOS

Foi detetada a presença do inseto psila-africana-dos-citrinos (Trioza erytreae) em 10 freguesias do concelho de Torres Vedras. Trata-se de uma praga que pode afetar gravemente plantas designadas por citrinos e que pode, ainda, ser transmissora da doença “Citrus Greening”, que inutiliza os frutos para consumo e que acaba por provocar a morte das plantas afetadas.

Com o objetivo de combater a dispersão deste inseto, foi criada uma zona demarcada que abrange aquelas 10 freguesias do Concelho, assim como as restantes freguesias, que se encontram na zona tampão.

Ver artigo

Assim, todos os proprietários, usufrutuários, possuidores, detentores ou rendeiros de qualquer parcela de prédio rústico ou urbano, incluindo logradouros onde se encontrem plantas de laranjeira, limoeiro, tangerineira, limeira e toranjeira, bem como FortunellaPoncirus e seus híbridos, CasimiroaClausenaChoisyaMurrayaVepris e Zanthoxylum afetados pela praga ficam obrigados ao cumprimento das seguintes medidas de proteção fitossanitária:

  • Proceder ao corte de todos os ramos com sintomas, procedendo imediatamente à sua destruição no local por meio de enterramento ou fogo, devendo neste caso garantir que são cumpridas as determinações obrigatórias para a realização de queimas;
  • Complementarmente à medida anterior, em todas as plantas das espécies referidas deverá ser realizado um tratamento fitossanitário utilizando para o efeito produtos fitofarmacêuticos com ação inseticida (consulte o edital da Direção Geral de Agricultura e Pescas de Lisboa e Vale do Tejo);
  • Manter um registo da realização dos tratamentos, designadamente dos produtos, doses e datas de aplicação;
  • Respeitar a proibição de movimentar qualquer vegetal ou parte de vegetal das espécies referidas – ramos, folhas, pedúnculos (exceto frutos e sementes) desse local.

Caso detete sinais desta praga ou sintomas semelhantes aos da imagem, entre em contacto através do número 243 377 500 ou do e-mail prospeccao@draplvt.gov.pt 

É também dado conhecimento da presença do inseto Tocoptera citricida (Kirkaldy), transmissor da doença “tristeza-dos-citrinos” (citrus tristeza vírus), ao qual se aplicam as mesmas medidas fitossanitárias.

Freguesias do concelho de Torres Vedras infestadas:

  • Freiria
  • Ponte do Rol
  • Ramalhal
  • Santa Maria, São Pedro e Matacães
  • Silveira
  • Turcifal
  • União das Freguesias de A dos Cunhados e Maceira
  • União das Freguesias de Carvoeira e Carmões
  • União das Freguesias de Dois Portos e Runa
  • União das Freguesias de Maxial e Monte Redondo

Freguesias do concelho de Torres Vedras na zona tampão:

  • São Pedro da Cadeira
  • União das Freguesias de Campelos e Outeiro da Cabeça
  • Ventosa